Olá visitante, faça Login ou Cadastre-se
Compre no atacado Atendimento: 11-38554577 | contato@procircuit.com.br 0 Itens

História da Marca


O especialista em tuning Mitch Payton fundou o Pro Circuit em 1978, com 18 anos de idade. Os primeiros clientes da Pro Circuit eram, na maioria, pilotos e motoqueiros do deserto da Husqvarna que queriam que Mitch fornecesse a mesma velocidade que conseguia nas suas corridas pessoais. A notícia sobre o sucesso das habilidades de construção de motores de Mitch viajou rapidamente pelas pistas de corridas do sul da Califórnia e, em pouco tempo, o culto dos pilotos da Pro Circuit foi formado. Mitch fechou a concessionária Husqvarna de sua família em 1980 para concentrar sua energia no negócio de serviços de pós-venda da loja em tempo integral.

Depois de aperfeiçoar suas habilidades na portabilidade e polimento de cilindros, Mitch e sua pequena equipe de especialistas em velocidade, concentraram suas energias em outras peças. Os tubos de escape com afinação personalizada foram os primeiros acessórios de alto desempenho do Pro Circuit, seguidos pelos silenciadores de corrida. O negócio de tubos era rápido, e logo todos os pilotos equipados com PC estavam solicitando modificações no desempenho de suas motos. Logo após, incluiram as peças de suspensão e os acessórios para motores. 

Com tantos pilotos da Honda, Kawasaki, Yamaha e Suzuki dos Estados Unidos utilizando os equipamentos Pro Circuit, não demorou muito para a marca começar a acumular campeonatos. O fenomenal sucesso de corrida do Pro Circuit reacendeu os fogos competitivos de Mitch, de modo que no início de 1990 ele estabeleceu as vistas do Pro Circuit no Santo Graal em corridas off-road: vencendo um campeonato nacional de motocross. Mas isso significaria desafiar os Big Four em seu próprio jogo e exigiria algum financiamento sério. Para tornar essa meta uma realidade, Mitch pegou uma estratégia do jogo de corrida de carros, garantindo um patrocinador corporativo. Ao fazer isso, Mitch mudou a maneira como as equipes de motocross seriam financiadas e embaladas para sempre.

Em 1991, Mitch e uma equipe de quatro pilotos de motocross relativamente desconhecidos (incluindo um garoto chamado Jeremy McGrath) disputaram a série AMA Supercross sob os banners Peak Anticongelante, Pro Circuit e Honda. Seis meses mais tarde, essa equipe varreu os campeonatos de 125cc de East e West Supercross! Embora patrocinadores e pilotos mudem de ano para ano, uma coisa sempre permanece a mesma: a reputação da Pro Circuit de profissionalismo e vitória. 

Em 1997, outro estreante profissional de motocross, chamado Ricky Carmichael, voou com as cores da Pro Circuit para o Campeonato Nacional de Motocross de 125cc que Mitch sonhava em ganhar por tantos anos.



Visual e-commerce